Anvisa convoca governadores para discutir problemas em liberação da Sputnik V

Anvisa convoca governadores para discutir problemas em liberação da Sputnik V

Onze governadores que mostram interesse na aquisição da vacina russa Sputnik V foram convocados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa); durante o encontro a agência explicará os problemas com a documentação do pedido de uso emergencial do imunizante no país.

De acordo com a Anvisa, a previsão da reunião virtual que pode acontecer nesta terça-feira (6), irão pariticpar os governadores do Maranhão, Acre, Bahia, Ceará; bem como Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Pernambuco, Rondônia, Pará e Mato Grosso.

Dessa forma, o objetivo da reunião é para os governadores cobrem mais documentação da Gamaleya, fabricante original da Sputnik V.

Além disso, o secretário da Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, as primeiras doses da Sputnik V, vacina russa contra a Covid-19, devem chegar no Brasil, uma semana após a autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). De acordo com o secretário informou que  outros oito estados já solicitaram o pedido de importação dos imunizantes ao órgão regulador.

Anteriormente, o governador da Bahia, Rui Costa, anunciou a assinatura do contrato para aquisição de 9,7 milhões de doses da vacina. Contudo, a quantidade presente no contrato faz parte dos 37 milhões de doses acordados com o Consórcio do Nordeste.

 

Campanha Vidas Importam 

Veja também:  Novo auxílio emergencial deverá injetar R$ 44 bilhões na economia

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *